Bom dia, Visitante! (entrar - cadastro)

CMCR NOV

23 de outubro, 2017 às 16:15

Olívia - Diocese de Coxim

"Dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus”

(Foto: Divulgação)

PALAVRA - Evangelho segundo S. Mateus 22,15-21. 
 
Naquele tempo, os fariseus reuniram-se para deliberar sobre a maneira de surpreender Jesus no que dissesse. Enviaram-Lhe alguns dos seus discípulos, juntamente com os herodianos, e disseram-Lhe: “Mestre, sabemos que és sincero e que ensinas, segundo a verdade, o caminho de Deus, sem Te deixares influenciar por ninguém, pois não fazes acepção de pessoas. Diz-nos o teu parecer: É lícito ou não pagar tributo a César?”. Jesus, conhecendo a sua malícia, respondeu:
 
«Porque Me tentais, hipócritas? Mostrai-Me a moeda do tributo». Eles apresentaram-Lhe um denário, e Jesus perguntou: “de quem é esta imagem e esta inscrição?”. Eles responderam: “De César”. Disse-lhes Jesus: “Então, dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus”.
 
MENSAGEM
No dia mundial das missões, somos despertados sobre a importância   de fortalecermos o nosso ideal de discípulo Missionário, de anunciadores   da constatação de que a promessa de Deus se realizou!
 
Como anunciadores da Boa nova do Reino que caminha dentro do espírito da fé e do nosso compromisso como igreja missionária, somos convocados a dar continuidade a missão de Jesus, reafirmando a nossa confiança na sua ação libertadora! É o amor à Deus que motiva os milhões de missionários e missionárias que fazem às vezes de Jesus no coração do mundo, levando a sua proposta de vida nova, possibilitando à tantas pessoas a conhecer a verdade que liberta!
 
O mundo está cheio de conflitos, necessitando urgentemente de mais diálogo, de pessoas corajosas que assim como Jesus, não desiste do humano, pessoas que não se curvam diante dos desafios, porque acreditam que a mensagem de Jesus pode reverter este quadro! É a presença do Espírito Santo que encoraja o missionário, que o impulsiona a fazer a difícil viagem de sair de si mesmo para ir ao encontro do outro, do diferente, do marginalizado, daqueles que ainda não tiveram a alegria de experimentar o aconchego do coração do Pai, que ainda não sabem que são eles, (os marginalizados) os preferidos no Reino! No evangelho, podemos perceber que os piores inimigos do ser humano é a ganância e a ambição do poder!  Foram estes inimigos, que se apossaram das lideranças políticas e religiosas do tempo de Jesus!
 
Mesmo diante de tantas evidencias, essas autoridades não quiseram reconhecer a divindade de Jesus, por conveniência, por não estarem dispostos a mudar de vida, a abrir mãos dos seus privilégios, já que, aderir à Jesus, significa mudança radical de Vida, o que eles não queriam.
 
A adesão do povo à proposta inovadora de Jesus, crescia dia pós dia, o que aumentava a ira destes líderes políticos e religiosos que vieram de Jerusalém com o único objetivo: confrontar Jesus! Com o povo aderindo à Jesus, Ele passou a ser uma grande ameaça para eles!  Porém Jesus, nada temia, Ele não se intimidava diante dos seus opositores, falava abertamente de suas propostas para o povo, que depositava Nele a sua única esperança de libertação.
 
Fariseus e herodianos, eram grupos rivais, eram as lideranças locais nos povoados da Galileia. Esses dois grupos, ao se sentirem ameaçados pela presença de Jesus, abriram mão de suas diferenças, para se unirem no mesmo propósito: eliminar Jesus, àquele que significava uma grande ameaça para eles.
 
Para evitar um confronto direto com o povo que aderira à Jesus, eles preferiram incitar o próprio povo contra Jesus armando uma cilada para Ele!
 
 “As autoridades mandaram alguns fariseus e alguns partidários de Herodes, para apanharem Jesus em alguma palavra. Quando chegaram, disseram a Jesus: Mestre, sabemos que tu és verdadeiro, e que, de fato ensinas o caminho de Deus. Não te deixas influenciar pela opinião dos outros, pois não julgas um homem pelas aparências. Dize-nos, pois, o que pensas: É lícito ou não pagar o imposto a César?”
 
Esta pergunta maliciosa, sob a aparência de fidelidade a Deus, era na verdade uma intenção de acusar Jesus. Se Ele dissesse: “deve pagar”, Ele poderia ser acusado junto ao povo como amigo dos romanos. Se Jesus dissesse: “Não deve pagar”, poderia ser acusado junto às autoridades romanas como subversivo. Portanto, o plano deles parecia perfeito, para eles, Jesus não tinha saída.
 
Porém Jesus, na sua sabedoria Divina, não perde tempo com discussões, limitando-se apenas a dizer: “Trazei-me uma moeda para que eu a veja. “Eles levaram a moeda, e Jesus perguntou: “De quem é a figura e a inscrição que está nessa moeda? “Eles responderam: “De César’. “Jesus então disse”: “Dai, pois, a César o que é de César e a Deus o que é de Deus.”
 
Jesus disse isto, porque sabia que eles já reconheciam a autoridade de César, ou seja, já estavam dando a Cesar o que era de Cesar.  O que faltava-lhes, era que eles devolvessem   a Deus o que era de Deus, isto é: o povo, que era oprimido por eles.  Com isto, o plano arquitetado pelos opositores de Jesus, mais uma vez cai por terra, reafirmando que as forças do mal nunca sobrepõem o bem.
 
Muitos de nós condenamos as atitudes dessas pessoas que tramaram contra Jesus, mas será que nós também não estamos tramando contra Ele, quando planejamos algo contra o nosso irmão?
 
Será que estamos acolhendo bem, um novo integrante de nosso grupo, ou da comunidade que chega com ideias novas? Ou será que ficamos com medo de que ele tome o nosso lugar? O que estamos dando a Deus? Estamos devolvendo a
Ele os frutos produzidos através dos dons que Ele nos deu?  A nossa vida pertence a Deus, não conduzi-la para o bem é não dar a Deus o que é de Deus! Partilhar a vida, praticar a justiça, o perdão é viver a lei do amor, é dar a Deus o que é de Deus!
 
FIQUE NA PAZ DE JESUS!
Olívia
Diocese de Coxim
Comentários (0)
Enviar para um amigo
Imprimir

não há comentários

Não perca tempo e seja o primeiro a comentar esta notícia.

Antes de registrar seu comentário, Atenção! O site Costa Rica em Foco não divulga comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a Lei, que não tenham o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!


Charge da Semana

Confira as principais charges que estão circulando na internet.

Waldeli - PMDB

» todas as charges

PUBLICIDADE

Entrevistas / Artigos

» todas as entrevistas e artigos

Siga-nos

FacebookTwitter


Jornalismo com credibilidade na região norte!