Bom dia, Visitante! (entrar - cadastro)

ALEMS 05

13 de maio, 2022 às 08:23

Aeronáutica vai pagar R$ 3,7 milhões à Energisa para custear operação de controle aéreo em MS

O extrato do contrato foi publicado no Diário Oficial da União

O Comando da Aeronáutica vai pagar R$ 3.778.440,00 à Energisa, pelo fornecimento de energia para manutenção dos equipamentos de controle aéreo em Mato Grosso do Sul. O extrato do contrato foi publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira (13).
 
Consta na publicação que o valor vai custear as operações do Cindacta II (Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo) em Campo Grande e Corumbá, além da Estação de Apoio Urucum, Dourados, Ponta Porã, Coxim e Porto Murtinho.
 
O Cindacta II presta serviços de gerenciamento de tráfego aéreo, defesa aérea, informações aeronáuticas, meteorologia aeronáutica, telecomunicações aeronáuticas e busca e salvamento. Atualmente é responsável pela região do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro e parte de São Paulo, Mato Grosso, Goiás e Espírito Santo.
 
Por Renan Nucci - MidiaMax

CMCR 02
Imprimir


Charge da Semana

Confira as principais charges que estão circulando na internet.

COVID-19

» todas as charges

PUBLICIDADE

CRF Anuncie

Entrevistas / Artigos

Paulo César Regis de Souza

Previdência Social – 100 anos

Nayara Felizardo, repórter Intercept

Quando o assédio vem da Justiça

» todas as entrevistas e artigos

Siga-nos

FacebookTwitter


Jornalismo com credibilidade na região norte!