Costa Rica 26 ℃

Didão e Amado do Vale falam das suas propostas como pré-candidatos à vereadores

Dia 02 de junho (sábado), lançamento da pré-campanha de Waldeli, no Clube

Publicado em 26/05/2012 16:22

Didão e Amado do Vale (Fotos: Luciana Aguiar)

Na manhã desta sexta-feira (25), o corretor de imóveis Ivanildo Ferrari (PDT) “Didão” juntamente com o autônomo Amado Gonçalves Moreira (PDT) “Amado do Vale” participaram de mais um bloco de entrevistas que a Rádio Globo Costa Rica está fazendo com os pré-candidatos a vereadores e a prefeito do município.

Didão
Casado e pai de família, Didão está em Costa Rica há 35 anos. Ele já foi candidato a prefeito, a vice-prefeito, foi vereador por três vezes e secretário Municipal de Agricultura e Desenvolvimento.

Para Didão o vereador não tem uma área especifica para atuar, nem região, não tem reduto. “Eu acredito que pode ter reduto eleitoral, mas de trabalho não. O vereador por si só deve frequentar todas as áreas, todas as regiões do município. Hoje todas as áreas são, mas sabemos que as áreas que mais necessitam é a Saúde, e a Educação, e a Segurança”, destacou.

Sobre o PDT, o ex-vereador destacou que partido já tem uma grande história na cidade e que pela sua forte militância já é considerado um dos maiores partidos estando em segundo ou terceiro lugar em número de filiados. “O PDT hoje conta com mais de 200 filiados, e tinha mais, só reduzimos porque mandamos mais de 100 filiados para o Paraíso. O PDT é um partido forte, eu acho que é fiel na balança em Costa Rica e nós temos grandes nomes como pré-candidatos a vereadores. O PDT é um grande partido e é de suma importância para ajudar na eleição do nosso pré-candidato à prefeito Waldeli”, disse Didão.

Didão avalia que alguns edis que quando entram na Casa de Leis pela primeira vez encontram um panorama bem diferente do que se esperava. “A Câmara não pode dar nada, nem uma ajuda para uma festa não pode. O vereador de primeira viagem acha que vai chegar lá e vai resolver os problemas do mundo, e ainda tem aquele eleitor que não tem muito conhecimento ele acha que o vereador tem o mesmo poder do prefeito. E o vereador nada mais é do que um legislador, ele pode ser um interlocutor, assessora o eleitor junto ao prefeito, ao governador do Estado”, disse.

Ao fazer suas considerações finais, Didão agradeceu a oportunidade de pode estar falando com a população através da Rádio Globo Costa Rica. “Eu quero pedir para que o povo de costarriquense faça seu julgamento, a gente ta com o nome aí previamente a disposição, eu pretendo sacramentar essa candidatura assim que houver as convenções”, disse o pré-candidato que acrescentou “o povo sabe mais ou menos o meu estilo de trabalho, então eu quero deixar meu nome à disposição e também quero agradecer aqueles que sempre me ajudaram que estiveram ao meu lado. Costa Rica precisa hoje depende de bons administradores tanto no Legislativo como no Executivo. Nós estamos em franco desenvolvimento e nosso pré-candidato a prefeito tem boas perspectiva, então Costa Rica não pode errar, nós temos que acerta, seja no prefeito e nos bons legisladores”, finalizou.

Amado do Vale
Há 41 anos em Costa Rica, Amado do Vale é casado e pai de família. “Sou um homem simples, costarriquense de coração. Cheguei aqui quando Costa Rica ainda era distrito de Camapuã”. Em 2008, Amado do Vale concorreu às eleições disputando um cargo de vereador, ele se mostra firme e garante que está pronto para disputar mais uma vez.

“Eu desde jovem sempre fui um cara de gosta muito de ler reportagem de ter a minha opinião própria, mas o que me despertou mesmo para a vida política foi à ditadura porque na época da ditadura, eu ainda adolescente eu via tantas coisas inadmissíveis como a proibição da liberdade de expressão, e eu pensa isso é injusto, eu acho que o homem tem que ter seu direito de ir e vir. Então aquela ditadura me fez desperta e me fazer pensar que um dia eu poderia trabalhar para tenta ajudar os menos favorecidos foi por isso que coloquei novamente meu nome como pré-candidato a vereador”, contou Amado do Vale.

Amado do Vale destaca a área que mais se identifica e menciona a área do esporte onde ele já tem um trabalho desenvolvido no Município. “Esse é um trabalho que tivemos muito êxito graças à ajuda que tivemos do ex-prefeito. Mas, eu gostaria de poder atuar em todas as áreas, principalmente na Saúde e no esporte, porque eu acho que o esporte é lazer, o esporte é saúde, o esporte é qualidade de vida, tira as crianças da rua onde nós podemos estar atuando em varias modalidades”.

Há 10 anos filiado no PDT, o pré-candidato a vereador avalia o seu partido como uma casa aonde ele têm grandes companheiros “mais do que companheiros irmãos. O PDT é um partido forte que tem colaborado muito para o crescimento e desenvolvimento de Costa Rica. Trata-se de um partido responsável que tem um perfil muito bacana, é muito atuante, participativo, essa é a minha visão do PDT e por isso eu estou dentro”, enfatizou.

O pré-candidato a vereador lembra que seu projeto político não é apenas para ser só o “Amado do Vale, eu quero ser um vereador para todos. Quero conclamar o Vale do Amanhecer para que mostre sua grande força nesse ano de 2012 e eleja um vereador daquela região”, realçou, ele terminou sua entrevista convidando a população para no dia 02 de junho (sábado), às 18h, prestigiarem o grande lançamento da pré-campanha do nosso pré-candidato Waldeli e dos pré-candidatos a vereadores que vai acontecer no Clube.

Entrevistas
O diretor da Rádio Globo Costa Rica, Paulo César Gabaron Vargas ressalta que as perguntas serão praticamente as mesmas para todos os pré-candidatos, porém, elas podem mudar de formulação, podendo haver acréscimo ou supressão, visto que cada pessoa entrevistada tem uma característica diferente, mas no geral, o foco das perguntas será o mesmo.

Todos os presidentes de partidos de Costa Rica receberam um ofício informando sobre o espaço que a Rádio Globo estaria abrindo para as entrevistas.

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar