Costa Rica 26 ℃

Gilson Kleina pede ajuda da Ponte Preta

Verdão admitiu que tudo é válido neste momento de desespero

Publicado em 10/11/2012 10:22

Quis o destino que a Ponte Preta, ex-clube de Gilson Kleina, tenha pela frente dois adversários diretos do Palmeiras nesta reta final de Brasileirão - Bahia, na 36ª rodada, e Portuguesa, na última. Questionado se ligaria para os ex-comandados para pedir uma “ajudinha” na luta contra o rebaixamento, o técnico do Verdão admitiu que tudo é válido neste momento de desespero.

“A troca né? (risos). É claro que se tiver a facilidade de poder ter um apoio, um incentivo para o time vencer... Até porque o futebol muda muito de plano. Amanhã pode ser eles que estejam precisando”, afirmou o treinador que comando a Macaca de 2010 a setembro de 2012, em entrevista ao programa “Nossa Área”, da Rádio Bradesco Esportes FM.

Embora venha recorrendo a tudo para tentar escapar da Série B, Kleina não quer depender de outros resultados. O treinador vê a Lusa como principal concorrente, já que o Bahia teria uma tabela mais fácil na teoria. No entanto, ele pede para que o elenco alviverde pense apensas nos próprios resultados.

“[A tabela do Bahia é mais fácil] até porque eles têm três jogos em casa. Mas o pior de tudo é nós não fazermos nossos resultados. Temos que pensar em um jogo de cada vez”, acrescentou.

Se não conseguir fazer o próprio resultado neste domingo, contra o líder Fluminense em Presidente Prudente, o Palmeiras pode até já ser rebaixado nesta rodada. Para isso, além da derrota para o Flu, Lusa e Bahia precisam vencer seus jogos.

Fonte: Band

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar