Costa Rica 22 ℃

Garota de MS morre durante show de Taylor Swift no Rio de Janeiro

Jovem de 23 anos era natural de Sonora e cursava psicologia na Universidade Federal de Rondonópolis

Publicado em 18/11/2023 08:06

Foto: Divulgação

Natural de Sonora, região norte de Mato Grosso do Sul, Ana Clara Benevides, de 23 anos, morreu na noite desta sexta-feira, após passar mal durante o show da cantora Taylor Swift, que estreou sua turnê no Brasil no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, para um público de mais de 60 mil pessoas.

A informação foi confirmada à reportagem por Estela Benevides, prima de Benevides, que recebeu, por telefone, a notícia do médico que tentou reanimá-la.

A jovem chegou a ser enviada para o Hospital Municipal Salgado Filho, após desmaiar e ser atendida no estádio. A causa da morte foi uma parada cardiorrespiratória.

Benevides estava na grade e acabou desmaiando no local. Segundo o enfermeiro Thiago Fernandes, 22, amigo de Benevides, ela chegou a ser reanimada no estádio por cerca de 40 minutos. No caminho do hospital, ela teve uma segunda parada.

Ana Clara chegou por volta das 20h, foi atendida, mas não resistiu, morrendo em seguida no hospital que fica próximo ao Engenhão, no Méier, zona norte da capital fluminense.

A sensação térmica registrada no local chegou a 60º C e bombeiros contabilizaram, extraoficialmente, mil desmaios durante o evento. Nas redes, fãs reclamaram da proibição de entrada com garrafas d'água no estádio, considerando o calor forte.

Fernandes escreveu à Folha de S.Paulo: "Quero que a Ana apareça nos telões do show da Taylor".

Em seu Instagram, ele lamentou a morte da jovem. "Eu simplesmente não consigo acreditar que você não está mais aqui. Não consigo aceitar isso", escreveu ele. "Conversamos sobre esse show tantas vezes, e como eu queria estar contigo. Estou tão triste que eu não sei o que fazer. Você era uma das minhas amigas mais antigas. Por tanto tempo, e agora em diante, só nas memórias! Eu espero que você esteja bem agora. Descanse!"

Segundo o perfil de Benevides nas redes sociais, ela cursava psicologia na Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), cidade que fica próximo de Sonora, em Mato Grosso. A atlética da universidade, na qual ela atuava como diretora, também publicou uma mensagem lamentando a morte dela.

"Nossas sinceras condolências à família e amigos neste momento difícil. Que encontrem conforto nas lembranças e no amor que ela deixou como legado", diz a postagem.

Em suas últimas postagens, ela fazia uma contagem regressiva para, como dizia, viver seu sonho de assistir a um show de Taylor Swift.

Na madrugada, outros fãs comentavam em suas postagens com mensagens de consolo à família.

Durante a noite, bombeiros relatam que em torno de mil fãs desmaiaram no calor que castigou a cidade na chegada de sua "Eras Tour", enquanto fãs eufóricos, mesmo assim, não se deixaram abalar para ver de perto a cantora americana.

Segundo a brigada de bombeiros presentes no show, foram socorridas pessoas que também vomitaram por conta da alta temperatura, que causou forte desidratação entre os presentes.

Durante o show, em meio à euforia do momento e gritos de "Taylor, eu te amo", antes da notícia de morte da fã, a cantora precisou parar a apresentação para pedir à sua produção que entregasse água para os fãs na plateia. Nas redes sociais, fãs relataram calor extremo, e proibição pela organização do evento de entrada de garrafas de água.

Em vídeos, a produção da cantora aparece entregando copos de água aos fãs que estavam na grade próximo ao palco após solicitação da artista.

Justiça

A repercussão nas redes sociais atingiu os cinco primeiros lugares dos trending topics do X, antigo Twitter, durante a madrugada. Fãs da cantora pedem ‘Justiça Por Ana’ e que a empresa organizadora do evento, a Tickets For Fun, distribua água durante os próximos shows.

O show desta sexta-feira foi o primeiro de três shows da artista no Engenhão. O próximo ocorre neste sábado, 18. Segundo a empresa Climatempo, a temperatura ainda vai aumentar, a máxima prevista para este sábado no Rio é de 42º, dois graus a mais do que nesta sexta, que teve máxima de 40º e sensação térmica de quase 60º.

Em São Paulo, os shows estão agendados para os dias 24, 25 e 26 de novembro.

Fonte: FolhaPress

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar