Costa Rica 22 ℃

Homem é atingido na face após tentar atirar em policial

Ele ameaçou o irmão e atirou na própria mãe

Publicado em 01/06/2011 14:15

Foto: Arquivo/CR em Foco

José Francisco da Silva, 62 anos, foi atingido na face por um tiro disparado pelo soldado da Polícia Militar André Faustino Dias Filho, 21 anos. O caso aconteceu na noite de ontem no Jardim São Francisco, em Casta Rica (MS).

O policial foi chamado para atender uma briga de família, em uma casa próximo ao pelotão da Polícia Militar. Quando chegou ao local, André foi informado por Lucy Francisco da Silva, 39 anos, irmão de José, que ele estava armado e havia efetuado diversos disparos, tendo um deles inclusive atingido sua mãe, a idosa Maria Anselma da Silva, 77 anos, em uma das mãos.

André pediu reforço e juntamente com os policiais Renato Paz e Roberto Carlos Scatolin, cercaram a casa. Os policias deram ordem para José Francisco, que estava dentro do imóvel, para deixar a arma e sair para fora, com as mãos para o alto.

José Francisco não obedeceu a ordem e saiu pela porta dos fundos, pegando um corredor entre a casa e o muro e vindo de encontro aos policias, dizendo que iria matar quem encontrasse pela frente.

Os policias deram novamente ordem para José Francisco largar a arma e colocar as mãos na cabeça, momento em que ele apontou a arma para o soldado André e ameaçou atirar. O policial bateu na mão de Francisco, na tentativa de derrubar a arma e como não conseguiu efetuou um disparo que transfixou o seu rosto.

No momento em que foi atingido José Francisco deixou a arma e foi socorrido pelos policiais e encaminhado para a Fundação Hospitalar, onde recebeu atendimento médico. Ele foi preso em flagrante por tentativa de homicídio, ameaça, resistência e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Como o tiro quebrou alguns ossos da face de José Francisco, ele foi encaminhado para a Santa Casa de Campo Grande, no início desta tarde, com escolta da Polícia Militar.

A mãe de José Francisco, Maria Anselma, está internada em Mineiros (GO), por conta do ferimento em uma das mãos e também porque segundo Lucy, ficou traumatizada com o filho.

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar