Costa Rica 25 ℃

Sul-mato-grossense que ficou conhecida nacionalmente por aplicar golpes é presa

A golpista foi detida em uma casa de estudantes na periferia de Bebedouro (SP)

Publicado em 16/05/2011 10:25

A golpista sul-mato-grossense, Kelly Samara Carvalho Gomes (Foto: Reprodução/GloboNews)

A Polícia Civil prendeu no último dia 13 a sul-mato-grossense, Kelly Samara Carvalho dos Santos, 23 anos, conhecida nacionalmente após aplicar golpes e usar identidade falsa em diferentes Estados. Ela também era procurada por furto após aplicar o golpe “Boa Noite Cinderela” em L.C.D. M, 32 anos, que depois de tomar uma bebida ao lado da jovem adormeceu e teve vários objetos furtados do apartamento dele em Pedro Juan Caballero, no Paraguai.

A golpista, que era procurada pela Justiça de Mato Grosso do Sul com mandado de prisão preventiva expedido pela 2ª Vara Criminal de Dourados, foi detida em uma casa de estudantes na periferia de Bebedouro.

Kelly é apontada por cometer crimes principalmente em São Paulo, Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro. Para conseguir benefícios como reservas de jatinhos, ela se passou por diferentes personalidades, como filha do presidente do Paraguai, Fernando Lugo, e sobrinha de Eliana Tranchesi, proprietária da boutique Daslu, de São Paulo.

Ela também é acusada de ter roubado cartões de crédito e cheques para fazer compras em São Paulo. Kelly foi presa em 2007 por ter roubado uma pintura original do artista plástico espanhol Joan Miró, avaliada em US$ 18 mil.

Nos últimos meses, segundo a polícia, Kelly se identificava apenas como Samara em casas noturnas e restaurantes da região. De acordo com o delegado José Eduardo Vasconcelos, a jovem pretendia deixar a cidade em breve. A jovem é natural de Amambai e ficou conhecida depois que seus golpes foram mostrados em um programa de televisão nacional. Ela chegou a ser presa, mas por pouco tempo. (Com informações do Dourados News e EPTV).

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar