Costa Rica 27 ℃

Prefeito Jesus Baird pode virar Ficha Suja se condenado pela Justiça Eleitoral

Processo está aguardando julgamento na mesa do juiz Walter Arthur

Publicado em 17/10/2012 11:41

Juiz Walter Arthur (Foto: Arquivo/CR em Foco)

O prefeito de Costa Rica (MS) Jesus Queiroz Baird (PMDB) e seu candidato a vice-prefeito Luiz Bocalan (PMDB) da coligação Amor Trabalho e Fé, mesmo derrotados nas urnas ainda podem cair na Lei da Ficha Suja. O processo está na mesa do juiz Walter Arthur Alge Neto aguardando julgamento.

Baird e Bocalan são acusados de usar a máquina pública e conceder benefícios, como remédios, materiais escolares e de construção, em troca de votos. Diante dessa acusação, o Ministério Público Eleitoral pediu a cassação do registro de candidatura, inegibilidade e aplicação de multa à Baird e Bocalan por abuso de poder político.

A ação relata que de 2010 a 2012 o orçamento da Secretaria de Promoção Social no município saltou de R$ 700 mil para R$ 1,3 milhão. A promotoria ainda atesta que, por conta das doações, os eleitores seriam diretamente influenciados na disputa.

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar