Costa Rica 17 ℃

Família de Paranaíba procura homem desaparecido

Informações no (67) 3668-3466; (67) 8123-3269; (65) 9634 1833 e (65) 9618 1518

Publicado em 20/01/2012 13:22

Rodrigo Wanick Ferreira está desaparecido desde o último dia 11

Rodrigo Wanick Ferreira está desaparecido desde o último dia 11. A família relata que ele foi visto pela última vez quando saiu da casa de uma tia para ir até a casa de outro familiar. Os familiares estiveram no programa Tribuna Livre no últomo dia 18 para pedir ajuda da população na sua procura.

Monique Larry, irmã de Rodrigo, contou que ele é dócil e está em tratamento psicológico, mas a grande preocupação é que ele saiu sem documentos, dinheiro, remédios e roupas limpas.

- Desde o dia 11 nós não tivemos nenhuma informação que pudesse nos dar um rumo dele aqui. Qualquer informação que chegue até nós, nós vamos verificar; ele não tem tatuagem, é branco, alto e quando saiu estava sem barba, mas hoje pode estar um pouco maior e a única característica física é uma cicatriz no queixo, mas como a barba pode estar grande não dê para ver, descreveu.

Monique ainda ressalta que com a ajuda da comunidade a família acredita ser possível encontrá-lo ou obter alguma informação. A irmã ainda contou que Rodrigo toma remédios para depressão, e faz acompanhamento com duas psicólogas.

- Ele é muito educado, gentil, então qualquer pessoa que aborde, eu tenho certeza que ele não será agressivo, ele vai responder. Talvez, por ser uma pessoa introspectiva, não responda as perguntas feitas a ele, mas é uma pessoa dócil.

Segundo familiares, ele reside no Corredor do Dimarino e ninguém sabe dar informações do paradeiro dele. Monique destacou o fato do irmão ter comentado sobre ficar recluso em uma mata fechada.

- Tentamos até algumas buscas nas proximidades, mas sem sucesso. Para ela, quanto mais pessoas ajudarem, é mais fácil. “Por mais que a família esteja toda mobilizada, com a ajuda da população dá mais força; é uma massa maior”, completou.

Ela ainda descreveu o irmão como calmo e sereno, com semblante feliz. A irmã acredita que Rodrigo tenha recebido ajuda pelo fato de estar sem comer e roupas sujas. Informações no (67) 3668-3466; (67) 8123-3269; (65) 9634 1833 e (65) 9618 1518.

Fonte: Tribunalivre

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar