Costa Rica 27 ℃

“Gincana Ambiental” mobiliza alunas da Escola Joaquim Faustino Rosa

"Será através dessa competição que as pessoas vão desenvolver noções de separação de lixo", destaca Ortiz

Publicado em 24/05/2011 08:50

As alunas Isabela, Beatriz e Larissa estão participando da “Gincana Ambiental” realizada pela PMA

Na tarde de ontem (23), na Avenida José Ferreira da Costa a reportagem do Costa Rica em Foco encontrou três alunas do 5º ano, período vespertino, da Escola Municipal Joaquim Faustino Rosa arrecadando garrafas plásticas e óleo usado.

As alunas Isabela Floriana Cena da Silva, Beatriz Tais Novaes Souza Chaves e Larissa Costa Firmino, todas com 10 anos de idade estão participando da “Gincana Ambiental” realizada pela PMA – Polícia Militar Ambiental de Costa Rica.

- Está um pouco difícil conseguir os materiais, mas também está muito legal participar da gincana. Estamos indo em todos os lugares, casas, lojas, restaurantes onde disserem para a gente que tem material estamos indo buscar, contou Isabela.

“Gincana Ambiental”
A PMA – Polícia Militar Ambiental de Costa Rica sob o comando do subtenente Anderson Ortiz Dias está realizando no período de 10 de maio a 05 de junho a primeira “Gincana Ambiental” com alunos das escolas públicas e particulares do município.

De acordo com o subtenente Ortiz, a “Gincana Ambiental” tem como objetivo enfatizar o projeto de separação do lixo através da educação ambiental nas escolas, onde a finalidade é desenvolver em caráter civil a consciência ambiental para preservação do meio ambiente, melhorar o convívio em sociedade e desenvolver senso de responsabilidade.

- O intuito é possibilitar aos participantes uma reflexão a cerca das questões ambientais nas escolas e na comunidade em geral. As tarefas trazem consigo o fortalecimento de compromisso e de responsabilidade de cada um frente ao Meio Ambiente, desta Ortiz.

O público alvo da “Gincana Ambiental” são alunos do 5º ao 9º ano do ensino fundamental e do 1º ao 3º ano do ensino médio das escolas públicas e privadas, além da coordenação e direção escolar, associação de pais e mestres e a sociedade em geral.

- Será através dessa competição que as pessoas vão desenvolver noções de separação de lixo, organização e preservação de locais públicos, destacou Ortiz.

Cada escola terá que adotar uma praça do município para cuidar e embelezar. Depois a escola terá uma apresentação teatral ou musical com o tema “Preserve o Meio Ambiente” utilizando materiais recicláveis na confecção de decoração, vestimenta e cenário de peça, a qual deverá ser apresentada em 05 de junho, Dia Internacional do Meio Ambiente, onde os alunos também estarão fazendo a limpeza das margens do Rio Sucuriú.

- Vamos incentivar os alunos participantes a coletarem o maior número de materiais recicláveis, óleo vegetal usando proveniente do uso doméstico, além da realização da separação do lixo seco do úmido, finalizou Ortiz.

Avaliação, premiação e colaboradores:
Os vencedores da gincana serão as escolas que melhor zelar por suas responsabilidades e a equipe de alunos que mais arrecadarem materiais recicláveis. As escolas vencedoras terão como premiação computadores e os alunos receberão bicicletas, além de um dia livre no PNMSS – Parque Natural Municipal Salto do Sucuriú, passeio de bote no Rio Sucuriú e outras.

São colaboradores da “Gincana Ambiental”: Ministério Público Estadual, Conselho de Segurança do Município, Polícia Civil, Polícia Militar, ACIACRI – Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Costa Rica, JCB Maquinário Agrícola, Três Fronteiras Secadora de Grãos, EDP Energias, Norberto Odebrecht S.A, ETH Bioenergia, Prefeitura de Costa Rica, Secretaria Municipal de Turismo, Meio Ambiente, Esporte e Cultura e Secretaria de Educação.

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar