Costa Rica 17 ℃

Novas rotas de Integração vão fortalecer relações comerciais entre Brasil e China

Para Cláudio Cavol, ver a RILA entre as cinco saídas para o Oceano Pacífico sendo apresentada na China, é a coroação de todos os esforços realizados ao longo dos anos

Publicado em 06/06/2024 17:16

Novas rotas de Integração vão fortalecer relações comerciais entre Brasil e ChinaAs novas rotas de integração com saída pelo Pacífico, vão fortalecer as relações comerciais entre Brasil e China e ainda contribuir para a redução da desigualdade e promover a integração regional.

Essa é a avaliação do governo federal apresentada pela Ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, durante o “Seminário Empresarial Brasil-China: os próximos 50 anos”. Na ocasião, Tebet apresentou o projeto das cinco Rotas de Integração Sul-Americana, entre elas, a RILA (Rota de Integração Latino-Americana), que ligará Mato Grosso do Sul até os portos do Norte do Chile.

“Só poderemos crescer de forma sustentável e duradoura, não só com uma nova indústria, mas também com a integração regional do Brasil com os países vizinhos da América do Sul e com os nossos parceiros, especialmente a China e sudeste asiático”, disse a ministra.

O evento ocorreu na quarta-feira (5), em Pequim, com participação de empresários dos dois países e representantes do governo chinês.

As rotas de integração, Rota 1 Ilha das Guianas, Rota 2 Manta-Manaus, Rota 3 Quadrante Rondon, Rota 4 Bioceânica de Capricórnio (ou RILA) e Rota 5 Porto Alegre Coquimbo, permitirão reduzir o tempo de transporte de mercadorias entre Brasil e China em até três semanas, o que aumentará a competitividade dos produtos dos dois países.

Para Cláudio Cavol presidente do Setlog/MS, ver a RILA entre as cinco saídas para o Oceano Pacífico sendo apresentada na China, é a coroação de todos os esforços realizados ao longo dos anos. “É uma satisfação muito grande ver o resultado do nosso trabalho e de todos os nossos parceiros que tornaram esse sonho possível.  Hoje é uma realidade que está no topo das discussões internacionais e sendo concretizada a cada dia com o andamento das obras. Estamos vivendo um momento histórico e, em breve, vamos colher os frutos disso tudo, com o fortalecimento da nossa economia”, ressaltou o presidente.

Na sua avaliação, o estado não poderia ficar sem fazer parte de um desses trajetos, já que estamos no centro-oeste do País. “Esta é uma oportunidade para todos os municípios e países envolvidos de abrir novos mercados e promover, de fato, a integração de todos que fazem parte desse corredor”, finalizou.

Fonte: Ascom SETLOG/MS

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar

Internacional

Ucrânia bombardeia Melitopol e sinaliza nova fase de contraofensiva

A Força Aérea da Ucrânia bombardeou ontem a cidade de Melitopol, um importante ponto estratégico no sul da Ucrânia, como parte de sua contraofensiva para ret...

Internacional

Bombardeios russos atingem Kiev e matam recém-nascido no sul da Ucrânia

A Rússia lançou uma nova ofensiva contra a Ucrânia nesta quarta-feira, 23, com o bombardeio de uma série de alvos civis e militares espalhados pelo país, pro...