Bom dia, Visitante! (entrar - cadastro)

PMA_julho

31 de julho, 2020 às 10:10

Paraíso do ecoturismo e dos esportes de aventura, Costa Rica prepara a retomada do turismo em outubro

Distante 375 km de Campo Grande, Costa Rica é uma boa opção para quem pretende fugir da vida urbana no pós-pandemia

Cachoeira do Salto Majestoso no Parque N. M. Salto do Sucuriú (Foto: Mauricio Alexandre)

Sem receber turistas desde março, por conta da pandemia do novo coronavírus, Costa Rica se prepara para reabrir seus atrativos turísticos ainda em 2020. A exemplo do que já aconteceu em Bonito, Jardim, Miranda e Bodoquena, o município considerado paraíso do ecoturismo e dos esportes de aventura em Mato Grosso do Sul, faz planos de retomada das atividades a partir do início da alta temporada, em outubro.
 
A data da reabertura ainda não está definida. “Em parceria com órgãos governamentais estamos criando os nossos protocolos de biossegurança contra o coronavírus para os atrativos, enfim, para todo o trade turístico, e quando tudo estiver pronto e implantado, inclusive com o selo de turismo seguro e responsável, então definiremos uma data para a volta. Esse é o nosso objetivo”, disse o secretário Municipal de Turismo, Meio Ambiente, Esporte e Cultura, Keyler Simey Garcia Barbosa.
 
Como nos demais destinos de turismo, a retomada estará condicionada às normas de segurança que possam minimizar riscos de contágio do vírus, e isso vai além do uso obrigatório de máscaras e álcool gel.
 
Entre as medidas necessárias está a readequação dos atrativos para receber os turistas no chamado novo normal. “A gente agora iniciou a fase de estruturação dos nossos receptivos, readequando banheiros, área de piscina e vestiários”, ressaltou o secretário de Turismo.
 
Distante 375 km de Campo Grande, Costa Rica é uma boa opção para quem pretende fugir da vida urbana no pós-pandemia. O município tem quatro parques naturais: Parque Natural Municipal Salto do Sucuriú, Parque Nacional das Emas, Parque Estadual Nascentes do Rio Taquari e Parque Natural Municipal da Lage.
 
Há uma grande variedade de atrativos, como o arvorismo, uma atividade que consiste na travessia entre plataformas montadas nas copas das árvores, cachoeiras, balneários de piscinas naturais, trilhas para caminhadas em meio a natureza, passeios a cavalo e safaris de observação da fauna e flora.
 
Como chegar em Costa Rica
Partindo de Campo Grande, você segue pela BR-163 e na altura do Posto São Pedro entra na BR-060, à direita, e segue no sentido Camapuã, passa por Paraíso das Águas e Chapadão do Sul, de onde serão mais 50 km até Costa Rica. A viagem de carro desde a Capital tem duração aproximada de quatro horas e meia. Para mais informações ligue 3247 7070.
Com informações Paulo Nonato de Souza / Campo Grande News
CONTRA DENGUE
Imprimir


Charge da Semana

Confira as principais charges que estão circulando na internet.

COVID-19

» todas as charges

PUBLICIDADE

Entrevistas / Artigos

» todas as entrevistas e artigos

Siga-nos

FacebookTwitter


Jornalismo com credibilidade na região norte!