Costa Rica 27 ℃

Novos prefeitos iniciam 2013 com cortes de gastos

Os novos prefeitos já falam, assim, em cortes de gastos e aumento de receita.

Publicado em 04/12/2012 07:28

Foto: Correio do Estado

Com problemas de caixa nos cofres municipais, sobretudo em razão de recuos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), os novos prefeitos de cidades sul-mato-grossenses iniciam os mandatos com cortes de gastos e tentativas de melhoria da arrecadação, através da implantação de programas de refinanciamentos (Refis).

De julho a novembro, as prefeituras do Estado receberam R$ 31 milhões a menos de FPM na comparação com os mesmos meses do ano passado. Apenas em novembro, a queda foi de R$ 14,61 milhões em relação ao valor recebido em igual período de 2011.

O FPM, importante fonte de receita dos municípios, é alimentado, entre outros recursos, por parte da arrecadação do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). A redução desse tributo incidente em alguns setores (como veículos, eletrodomésticos da linha branca e materiais de construção) impactou negativamente o caixa das prefeituras.

Os novos prefeitos já falam, assim, em cortes de gastos e aumento de receita.

Fonte: Correio do Estado

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar

Cidades

Operação da PF prende suspeito de tráfico internacional de drogas em MS

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta sexta-feira (8), a Operação Selfie Portrati, que investiga a atuação de uma organização criminosa no tráfico inte...