Costa Rica 17 ℃

Antecipação do 13° salário do INSS vai injetar R$ 575,7 milhões em MS

Primeira parcela começa a ser paga nesta quinta-feira

Publicado em 25/05/2023 09:40

A antecipação do 13° salário aos segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), vai injetar R$ 575,7 milhões em Mato Grosso do Sul. O montante será pago a 328,2 mil beneficiários, no Estado.

O montante é referente à duas parcelas, sendo a primeira a partir desta quinta-feira (25) e a segunda a partir de 1° de junho. Cada parcela tem o valor de R$ 287.863.591,03. Os depósitos serão feitos junto com o pagamento do salário dos respectivos meses.

No Brasil, o investimento será de R$ 62,6 bilhões e vai beneficiar mais de 38 milhões de segurados da Previdência Social.

Os primeiros a receberem são os que ganham até um salário mínimo (R$ 1.320), com o NIS (Número de Identificação Social) final 1. Já a partir do dia 1° de junho, vão receber os que ganham mais que o piso nacional. Ambos os pagamentos seguem até 7 de junho.

Na visão do economista Eugênio Pavão, o pagamento vai ajudar a aliviar as contas. “Diante da inadimplência e inflação, a entrada desses recursos na economia vai permitir um alívio neste momento para os agentes econômicos. Com os recursos, serão pagas dívidas ou parte delas, podendo até estimular o consumo”, avaliou.

O profissional destaca ainda que essa é a melhor medida diante do crédito consignado, para não aumentar a inadimplência. “A antecipação é uma modalidade mais interessante que o consignado. Sendo que a melhor solução para enfrentar as dívidas e a inadimplência é a educação financeira, como forma de ajudar a colocar em ordem as finanças com o planejamento de médio e longo prazo”, completou.

Antecipação - No ano passado, por exemplo, o abono é pago entre agosto e novembro. Neste ano, a antecipação foi assinada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no dia 4 de maio.

Podem receber a antecipação aposentados e pensionistas por morte; aqueles que tenham recebido auxílio por incapacidade temporária; auxílio-acidente ou auxílio-reclusão. Não têm direito os segurados que recebem benefícios assistenciais.

O pagamento é feito conforme o número final do NIS (Número de Identificação Social) de cada pessoa. Confira abaixo o calendário.

Por Izabela Cavalcanti - Campo Grande News

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar