Costa Rica 16 ℃

Felipão ironiza comparação com Barcelona

O novo técnico da Seleção ironizou a possibilidade de o Brasil se inspirar na equipe catalã

Publicado em 01/12/2012 08:22

Na discussão sobre a evolução do futebol brasileiro, a comparação com o Barcelona foi assunto na entrevista coletiva de Luiz Felipe Scolari e dos demais treinadores da Copa das Confederações, nesta sexta-feira, no Anhembi, em São Paulo. Bem no seu estilo, o novo técnico da Seleção ironizou a possibilidade de o Brasil se inspirar na equipe catalã.

“Só se importarmos o Messi, o Iniesta... Aí poderemos jogar como o Barcelona. As características dos jogadores no Brasil não são essas. Temos que montar a equipe jogando um bom futebol, com aquilo que é ideal, mas dentro das nossas características”, disse Felipão, que, antes de assumir a Seleção, viu Guardiola, ex-Barça, cotado para o cargo.

Felipão voltou a sinalizar que seu time será formado em cima das características dos jogadores, mas prevê dificuldades por não estar jogando competições oficiais.

“Não estamos nas eliminatórias, isso traz dificuldade. Assim teríamos jogos a cada dois meses, partidas importantes, com o envolvimento do torcedor. Nós temos nossa identidade, mas temos que saber o que podemos fazer com as características dos nossos atletas. Isso será possível nos amistosos e na Copa das Confederações”, afirmou.

A competição será a base da equipe montada para o Mundial. Assim espera Felipão, que pretende praticamente fechar a equipe em junho do próximo ano.

“Espero montar 90% ou 100% do grupo do Mundial. Surgem muitos atletas de um ano para o outro, em melhores condições. E a Copa das Confederações servirá como um balizamento completo para saber se precisamos de uma mudança tática ou de outros jogadores para ter um time mais organizado”, disse.

Fonte: Band

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar