Costa Rica 27 ℃

Coronel da PM de MS é preso em São Paulo com 53 quilos de crack

Oficial da reserva transportava a droga no carro junto com a esposa e a filha de quatro meses

Publicado em 06/12/2012 07:15

Foto: Divulgação

O coronel da reserva da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul Amauri Alcântara, de 55 anos, foi preso na manhã desta quarta-feira, em São José do Rio Preto, São Paulo, com 53 quilos de crack.

O oficial, que é integrante da Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol de MS, dirigia o veículo onde estavam escondidos os diversos tabletes do entorpecente. No carro estavam também a esposa dele e a filha do casal, de quatro meses.

A prisão foi feita pela PRF (Polícia Rodoviária Federal), na BR-153, e integra as ações realizadas na Operação Divisas, que reforça o policiamento nas divisas do Estado de São Paulo.

De acordo com a PRF, policiais abordaram o veículo e perceberam que o motorista estava nervoso. Diante disso, decidiram fazer uma busca detalhada no automóvel e encontraram o entorpecente. Treze tabletes estavam escondidos no tanque de combustível e outros 40 em um fundo falso, atrás do banco traseiro.

Conforme a PRF, que não divulgou a identificação, o coronel declarou que a droga saiu do Paraguai e que ele receberia R$ 10 mil para fazer o transporte de Ponta Porã, na fronteira, a Belo Horizonte, Minas Gerais.

Ainda segundo a PRF, a quantidade de crack apreendida com o militar reformado é suficiente para fazer 50 mil pedras.

A Polícia Militar de Mato Grosso do Sul foi informada da prisão e o comandante geral, coronel Carlos Alberto Davi dos Santos, determinou a imediata instauração de processo administrativo. Com isso, o militar pode ser expulso da corporação.

Fonte: Campo Grende News

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar