Bom dia, Visitante! (entrar - cadastro)

CMCR05

25 de fevereiro, 2021 às 08:08

Delegado Alexandro Mendes divulga Nota de Agradecimento à população costarriquense e as instituições do Sistema de Justiça Criminal

“É chegada a hora de inaugurar uma nova fase”, afirma Alexandro Mendes na carta de agradecimento

Costa Rica em Foco

Imagem: Reprodução Youtube CMCR

Na quarta-feira (24) o delegado Alexandro Mendes de Araújo divulgou Nota de Agradecimento à população costarriquense. Ele se despede da Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica em busca de novos sonhos.
 
“É chegada a hora de inaugurar uma nova fase”, afirma Alexandro Mendes na carta de agradecimento.
 
Confira abaixo a Nota de Agradecimento:
Quando cheguei em Costa Rica, em 14 de setembro de 2015, fiquei impressionado com a hospitalidade com que eu e minha família fomos recepcionados.
 
Em retribuição, sempre busquei estreitar os vínculos com as demais instituições que compõe o Sistema de Justiça Criminal (Polícia Militar, Polícia Militar Ambiental, Bombeiros, Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública), Conselho Tutelar, OAB, Imprensa e demais atores sociais, com muito respeito à cada instituição e  preservação da independência funcional da Polícia Civil.
 
A integração institucional e o fundamental apoio do Poder Público Municipal (Prefeitura de Costa Rica e Câmara Municipal), Conselho Municipal de Segurança, Empresários, Produtores rurais e comunidade em geral renderam à Polícia Civil em Costa Rica resultados expressivos no Estado de Mato Grosso do Sul. Inúmeros foram os crimes esclarecidos, as prisões em flagrante, os mandados judiciais de prisão cumpridos e as quadrilhas desarticuladas. Incontáveis foram os atendimentos realizados à comunidade.
 
Fiquei honrado de ter contribuído para a implantação efetiva do Núcleo de Mediação de Conflitos, presidido o COMAD – Conselho Municipal Antidrogas - de Costa Rica  por dois anos dentre outras ações de Polícia Comunitária e utilidade pública, como palestras, entrevistas etc.
 
Em Costa Rica a participatividade, confiança e reconhecimento da comunidade foram meus principais combustíveis. Foi inesquecível a solenidade parlamentar na qual fui contemplado com a honraria legislativa de cidadão costarriquense. Algo ímpar para minha vida pessoal e carreira profissional.
 
Apesar das limitações próprias de minha condição humana imperfeita, faz parte da minha personalidade a busca por aperfeiçoamento pessoal e profissional.
 
Ao longo da minha trajetória profissional por Costa Rica, procurei fazer o meu melhor. Neste sentido, embora esteja certo que deixei a desejar em alguns pontos, minha sensação é a de missão cumprida.
 
Um dos fatores que condicionam a expressividade de uma instituição é a capacidade do gestor de construir pontes. Neste sentido, fui privilegiado nesta comunidade e por isso quero agradecer:
 
Primeiramente agradeço a Deus pelos livramentos diários. Somente com Deus no coração é possível duelar e vencer o mal; Em segundo lugar, agradeço à minha família pelo companheirismo e compreensão. A atividade policial requer privações que envolvem toda a família. Foram muitos momentos de ausência exigidos pela missão de servir e proteger; em terceiro lugar agradeço à Direção da Polícia Civil pelo incondicional apoio, em especial aos operadores (de carreira e cedidos) que atuaram e atuam na DP de Costa Rica por ter ombreado comigo no batente diário;
 
Agradeço também às Forças Amigas, Instituições do Sistema de Justiça Criminal, Imprensa, OAB na conjugação de esforços para o combate à criminalidade e preservação dos direitos e garantias fundamentais; agradeço à Prefeitura, à Câmara Municipal de Costa Rica e ao Conselho Municipal de Costa Rica. Sem o fundamental suporte que a Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica recebeu ao longo do período que aqui atuei, muitas ações importantes seriam fracassadas por insuficiência de recursos humanos e materiais; por fim, agradeço à toda comunidade costarriquense pela confiança, reconhecimento e participatividade que levaram ao esclarecimento de inúmeros crimes.
 
Acredito que a experiência e expertise adquirida em Costa Rica será útil em outras Unidades. É chegada a hora de inaugurar uma nova fase.
 
Desejo toda sorte de bênçãos na vida pessoal e profissional do colega, Dr. Caíque Ducatti. Que Deus o ilumine com livramentos e sucesso na gestão e condução da DP de Costa Rica.
 
Apesar do encerramento deste ciclo profissional, seguirei à disposição de toda Costa Rica. Lembrem-se! Além de policial civil, sou cidadão costarriquense.
 
Gratidão, gratidão, gratidão.
Alexandro Mendes de Araújo.
Delegado de Polícia Civil.

PMA 02
Imprimir


Charge da Semana

Confira as principais charges que estão circulando na internet.

COVID-19

» todas as charges

PUBLICIDADE

CRF Anuncie

Entrevistas / Artigos

Paulo César Regis de Souza

Previdência Social – 100 anos

Nayara Felizardo, repórter Intercept

Quando o assédio vem da Justiça

» todas as entrevistas e artigos

Siga-nos

FacebookTwitter


Jornalismo com credibilidade na região norte!