Costa Rica 26 ℃

Justiça eleitoral rejeita contas e abre caminho para cassar diplomação de Alcides Bernal

Segundo o Ministério Público, ele teria movimentado irregularmente mais de R$ 1 milhão

Publicado em 12/12/2012 10:14

Justiça eleitoral rejeita contas e abre caminho para cassar diplomação de Alcides Bernal
Foto: Correio do Estado/Arquivo

A Justiça Eleitoral rejeita a prestação de contas do prefeito eleito Alcides Bernal (PP) e abre caminho para abertura de processo de cassação do diploma e do mandato. A juíza Eliane de Freitas Lima Vicente acolheu o parecer do promotor eleitoral Alexandre Raslan apontando inúmeras irregularidades insanáveis nas contas apresentadas por Bernal.

Não foram apresentados documentos comprovando despesas e pagamentos de campanha.

Segundo o Ministério Público, Bernal teria movimentado irregularmente mais de R$ 1 milhão de total de R$ 1.664.213,50 registrado como receita e despesa de campanha eleitoral.

Por causa das irregularidades, o Ministério Público poderá pedir à Justiça Eleitoral a cassação do diploma de Bernal. No caso de empossado no cargo de prefeito, solicitar a cassação do mandato do prefeito por desrespeitar as normas legais nas despesas de sua campanha eleitoral.

Fonte: Correio do Estado

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar

Cidades

Operação da PF prende suspeito de tráfico internacional de drogas em MS

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta sexta-feira (8), a Operação Selfie Portrati, que investiga a atuação de uma organização criminosa no tráfico inte...