Costa Rica 22 ℃

Sindicato Rural de Costa Rica estima perda de 25% nas lavouras de soja

Conab previa novo recorde da safra de grãos neste ano em MS

Publicado em 12/04/2011 20:59

Foto: Divulgação

A intensa chuva que ocorre em todo o Mato Grosso do Sul está prejudicando muitos produtores rurais.

Segundo o presidente do Sindicato Rural de Costa Rica, Valdeci Pelizer o município já perdeu em torno de 20 a 25% da lavoura de soja. Conforme Pelizer, se o tempo chuvoso continuar, a perda poderá ser bem maior, pois não haverá condições para a colheita.

Pelizer diz que os agricultores estão em alerta.

- A situação dos produtores é considerada dramática em todo o Estado. Se continuar chovendo vamos acender o sinal vermelho, pois podemos perder boa parte do que já foi plantado por não termos condições de colher, afirmou.

MS
A Conab - Companhia Nacional de Abastecimento previa novo recorde da safra de grãos neste ano em Mato Grosso do Sul, com a histórica marca de 10,042 milhões de toneladas. No entanto, a chuva em excesso ameaça os cultivos de milho e soja, que respondem por 94% da produção de grãos no Estado.

O órgão prevê a colheita de 5,687 milhões de toneladas de soja nesta safra. No entanto, somente com o atraso na colheita, Dalpascoale estima que a perda atinge de 3% a 4% da oleaginosa, o que significa perda de 170 mil a 227 mil toneladas de grãos. Só na comercialização das sacas não colhidas, que apodreceram no solo, o prejuízo ao produtor é de R$ 125 milhões a R$ 166,8 milhões. Se fosse comercializado com o exterior, o prejuízo somaria US$ 53 milhões.

E a situação poderá ficar pior se a perda atingir de 15% a 20% da soja em condições de colheita. A perda oscilaria entre 853 mil a 1,13 milhão de toneladas do grão.

O atraso na colheita da soja compromete a segunda safra do milho, que responde por 92% da produção do grão no Estado (3,7 milhões de toneladas).

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar