Costa Rica 25 ℃
Marisa Serrano deve ocupar vaga no Tribunal de Contas
Marisa Serrano deve ir para o TCE (Foto: Divulgação)

Marisa Serrano deve ocupar vaga no Tribunal de Contas

Os deputados Arroyo, Picarelli e Mochi também estão sendo lembrados

Publicado em 12/04/2011 20:59

A senadora Marisa Serrano, vice-presidente nacional do PSDB, vai ocupar a vaga de Celina Jallad, falecida no fim de fevereiro, no TCE (Tribunal de Contas do Estado) e deixará os tucanos desfalcados nas eleições de 2012 e 2014.

As negociações políticas, fechadas esta semana em Brasília pelo governador André Puccinelli (PMDB), no entanto, não irão deixar o PSDB menor no Senado, porque o primeiro-suplente Antonio Russo, trocou o PR pela acomodação do ninho tucano.

Mas não está afastada a hipótese de ele retornar aos quadros do PR para integrar a base aliada da presidente Dilma Rousseff e, também, evitar futuros problema jurídicos, já que foi eleito pelo PR e a Justiça ainda não pacificou entendimento que a vaga percente ao partido.

Pela legislação, caberá a Assembleia indicar o substituto de Celina, embora o nome a ser apresentado poderá vir de fora da  Casa, conforme admitiu Jerson na conversa com os jornalistas.

Em entrevista ontem à imprensa, o presidente da Assembleia Legislativa, Jerson Domingos (PMDB), reconheceu que a vaga não precisa ser obrigatoriamente preenchida por um deputado. "É uma indicação política que compete à Assembleia Legislativa", afirmou.

Durante a entrevista, Jerson garantiu  que seu nome não está na disputa pelo cargo vitalício. No entanto, não descartou a possibilidade de vir a pleiteá-lo no futuro, uma vez que duas vagas serão abertas na Corte Fiscal a partir de aposentadorias de conselheiros em 2014.

“As discussões estão começando a aquecer. O nome terá de ser unanimidade e consenso”, disse o presidente da Assembleia em tom descontraído, comparando o processo de escolha ao conclave - reunião dos cardeais para a eleição do Papa.

Os deputados estaduais Antônio Carlos Arroyo (PR),  Maurício Picarelli (PMDB) e Júnior Mochi (PMDB) também estão sendo lembrados.

(Correio do Estado)

SIGA-NOS NO Costa Rica em Foco no Google News

Pode te Interessar